Custo de AquisiçãoQuanto sua empresa investe em cada cliente? Essa é uma pergunta que deve sempre ser feita, para o seu negócio continuar lucrativo. E é justamente isso que o custo de aquisição de clientes, ou CAC, aponta.

Quando se conhece o valor investido em cada cliente é possível otimizar estratégias de marketing e vendas, para que o retorno seja sempre maior do que o investimento.

 

Entenda melhor o CAC

Custo de aquisição de clientes (CAC) representa o valor médio aplicado para se conquistar cada cliente. Considera-se, nessa métrica, todos os custos da empresa que são ligados à aquisição de clientes.

Geralmente eles ficam concentrados nas áreas de marketing e vendas e variam de acordo com a empresa. Alguns exemplos de custos são:

  • Salários;
  • Comissões;
  • Ferramentas;
  • Infraestrutura;
  • Investimentos em mídias;
  • Entre outros.

Quando o CAC é comparado à outras métricas, como LTV (Lifetime Value) ou Ticket Médio, é possível analisar o rumo dos investimentos. O ideal é que ele seja sempre menor que as métricas citadas acima, pois assim a empresa estará lucrando.

Caso esteja maior, é preciso tomar medidas para mudar esse cenário, pois a empresa pode começar a levar prejuízos.

Para reduzir o custo de aquisição e manter em um nível favorável para a empresa, é importante cortar os gastos superficiais. Não adianta diminuir todos os gastos, pois alguns são essenciais para atrair seus clientes, por isso é importante analisar com cautela, de acordo com as estratégias da sua empresa.

 

Como calcular o CAC

O cálculo do CAC é simples, basta somar todos os investimentos envolvidos na prospecção dos clientes, e dividir pelo número de novos clientes. A partir disso você identifica sua média de custo por cliente. Veja a fórmula:

  • CAC = (investimento em Marketing + investimento em Vendas) / número de novos clientes

É importante calcular o CAC em períodos determinados. Dessa forma, a análise é mais certeira e você consegue fazer os ajustes necessários no tempo certo. A periodicidade ideal varia de acordo com a empresa, mas habitualmente o cálculo é mensal.

 

Entenda na prática

Uma empresa de cursos online faz vendas através do e-commerce e em um mês, investiram R$3.000,00 em marketing e R$2.000,00 em vendas. Neste mesmo mês, a empresa conseguiu 20 novos clientes. Aplicando a fórmula:

CAC = (3.000+2.000) / 20
CAC = 250

Nesse caso, a empresa investiu R$250,00 em cada cliente, a partir desse valor podemos analisar o cenário da empresa. O LTV de cada cliente é de R$1.200,00, pois os planos são anuais e com valor de R$100,00 por mês. Fazendo a comparação, vemos que a empresa tem um lucro de R$950,00 em cada cliente.

O cenário da empresa é positivo, e como a diferença do CAC e do LTV está alta, pode-se considerar fazer outros investimentos, para alavancar cada vez mais as vendas.


Viu como é importante acompanhar o custo de aquisição de clientes da sua empresa?

Com esse conhecimento você pode analisar seus investimentos, e assim reduzir ou aumentar, de acordo com sua necessidade. Essas atitudes estão diretamente ligadas ao sucesso do seu negócio.

Então, agora que você já sabe como calcular e analisar, é hora de aplicar essa estratégia em sua empresa!