voicervoicer ou também conhecido como torpedo de voz é, basicamente, uma mensagem de áudio disparada a centenas de telefones fixos e celulares ao mesmo tempo, através de uma mensagem gravada eletronicamente ou gerada por software. Os textos enviados por voz podem conter variáveis e são usados para informar clientes sobre alguma oferta ou ainda retomar possíveis negociações.

Veja aqui algumas dicas importantes.

6 dicas para você implementar o voicer em vendas remotas de forma correta

1 – Garanta um mailing 100% opt-in!

Para atingir pessoas certas no momento certo, o primeiro e mais importante passo para efetuar o envio de voicer é ter uma base de contatos qualificada e que seja opt in. Isso significa que todos os contatos que estão incluídos nas listas tenham autorizado o recebimento de ligações e sejam potenciais clientes interessados na oferta. De nada adianta enviar o voicer para uma lista de pessoas que não tem conhecimento ou que não autorizaram o recebimento do seu contato.

Além de invasivo isso é SPAM e só vai contribuir para queimar a marca de sua empresa no mercado.

O objetivo do voicer é reaquecer um contato que sua empresa já realizou antes com o cliente. Ou fornecer mais informações sobre uma dúvida do cliente.

Você pode retomar uma negociação ou oferta, ou ainda conduzi-lo a próxima etapa na jornada de compra. A sua taxa de sucesso será bem maior do que se estivesse enviando para uma base desqualificada.

2 – Faça um planejamento

Todo projeto precisa partir de um bom planejamento. Com a campanha de Voicer, não pode ser diferente. O primeiro passo é definir junto com o time de marketing e vendas, alguns itens básicos para que a campanha obtenha sucesso.

Como por exemplo:

  1. Valor que a empresa está disposta a investir na ação – Importante lembrar que cada mensagem de Voicer cobra o valor de uma ligação normal acrescido do custo da plataforma;
  2. Perfil e volume da base;
  3. Número de tentativas que serão realizadas para cada contato que não atende na primeira ligação;
  4. O tempo da mensagem (em segundos);
  5. Tipo da mensagem: se terá efeito especial, se será gravada em estúdio ou se será simples;
  6. Qual oferta será anunciada e como vai funcionar o CTA (Call To Action) final.

3 – Crie uma mensagem impactante

Para criar uma mensagem de alto impacto para vendas é ideal que pedir ajuda ao Marketing. Pois a oferta enviada aos leads deve fazer parte das estratégias para aumentar as vendas de um determinado produto.

Lembre-se que você terá pouco tempo para impactar o cliente com a mensagem e nem sempre ele estará disponível para ouvi-la por completo. Por isso é importante que a mensagem seja sempre objetiva, envolvente e faça sentido para o cliente que vai recebê-la. O ideal é que a gravação tenha no máximo 25 a 30 segundos.

É importante no final da gravação você inserir um call to action, que será integrado com a URA fazendo com que o cliente consiga entrar em contato imediatamente com os vendedores disponíveis para esclarecimento de dúvidas e fechamento da venda. Um bom call to action é direto e oferece apenas uma opção, como por exemplo: “Quer aproveitar essa oferta? Digite três e fale agora com um vendedor!”

Dica: Com a mensagem já gravada envie um teste para pessoas próximas a você avaliarem o tempo da mensagem, entonação da voz gravada e se a URA e o direcionamento da ligação aos vendedores estão funcionando corretamente.

4 – Treine a equipe de vendas

Clientes que vieram do voicer estão prontos para serem abordados. Hora do seu time de vendas “chutar para o gol” e realizar a venda.

Alinhe com o time de vendas a melhor abordagem para atender o público vindo do voicer.  É imprescindível que os vendedores tenham conhecimento dos históricos de negociações dos clientes e estejam cientes que irão tratar com pessoas que já ouviram a oferta e demonstraram interesse por ela. Assim a abordagem deve funcionar como uma retomada da negociação.

Mais uma vez é importantíssimo ter em mente a necessidade de um bom sistema de CRM e de automação de marketing. Neste post falamos muito sobre a diferença entre eles (Sistema de Automação de Marketing é igual CRM)

Ter um time de vendas treinado e 100% alinhado com todas as estratégias de atração de clientes significa maior possibilidade de conversão e time mais motivado.

5 – Implementação técnica de TI

Junto com a equipe de TI é preciso avaliar questões importantes para o voicer funcionar. Desnecessário dizer que o voicer deverá funcionar sincronizado com o CRM da empresa, só assim será possível automatizar os contatos e armazenar os dados dos leads vindo dele.

O primeiro passo é avaliar a quantidade de canais disponíveis no seu televendas para disparar o voicer e o dimensionamento de vendedores. Um bom dimensionamento fará com que todos os clientes sejam bem atendidos de maneira rápida. Tome cuidado para que o cliente que dê o “aceite” no CTA final, seja atendido de forma rápida e adequada.

É preciso garantir que exista uma configuração de fila de atendimento disponível para onde os clientes do voicer serão direcionados. Mas se por acaso todos os vendedores estiverem falando quando um cliente tentar contato é preciso definir o transbordo de URA. Ou seja é preciso garantir que de alguma forma não haja perda de clientes por causa de ocupação de linha. O ideal é que você utilize a URA Reversa para garantir que os contatos do transbordo de URA sejam armazenados para tratamento posterior dos vendedores.

Converse com sua equipe de TI para verificar soluções. Caso eles não estejam preparados para todas essas configurações, terceirize os serviços.

6 – Avalie resultados e faça reajustes

Determine um período para avaliar os resultados da campanha, desta forma você conseguirá mensurar os retornos gerados pela ação. Na avaliação atente-se para os principais tópicos:

  • Número de chamadas atendidas: use para verificar a qualidade da sua base.
  • Conversão de pedidos de contato/chamadas: esse é um bom indicador para avaliar a performance da mensagem e ou oferta escolhidas.
  • Conversão de contatos/vendas realizadas: ideal para medir a argumentação do time de vendas.

Com esses números em mãos, você saberá quais são os pontos que estão necessitando de ajustes.